Santiago Perez Prado Peñamil

Santiago Felipe Perez Prado Peñamil ( Havana , 25 de julho de 1949 ), diretor de cinema e historiador cubano. Tem que ser mais de 45 documentários focados no estudo da história e da cultura cubana, bem como a influência da cultura espanhola em Cuba. Ele publicou dois livros de história e vinte ensaios publicados em várias revistas dentro e fora de Cuba. Como palestrante, Santiago tem consistentemente apresentaram suas apresentações em auditórios, tanto em Cuba e em Espanha.

Foi premiado com o Gaspar Melchor de Jovellanos de 1999, emitido pela Federação das Associações Asturianas de Cuba, a Ordem Raúl Gómez García, 2000 e Miguel Distinção de Cervantes y Saavedra 2002, emitido pela Federação das Associações espanholas de Cuba . Ele é um membro da União Nacional Nacional de Escritores e Artistas de Cuba e da Sociedade Geral de Autores de Espanha.

Desde 1975, trabalha no Instituto Cubano de Rádio e Televisão, e durante este período ele atuou como roteirista e diretor.

Ele tem feito um trabalho de investigação profunda sobre as várias questões foram abordadas como cineasta, entre os quais estão: a história de Trinidad, um Património Mundial pela UNESCO; tradições de origem afro-cubana em suas ligações sincréticas com a cultura espanhola; a história de Havana, para a série de TV Andando Havana. Em particular, a pesquisa sobre a história da influência espanhola em Cuba e, especialmente, a migração, iniciada há 13 anos, tem sido uma das suas pesquisas atuais mais consistente, cujo resultado terminou em 1996, a série de 6 capítulos “História migração”, co-produzido pela televisão cubana e da Universidade de Oviedo, na Espanha.

revista colaborando Temas, revista Distância – Distância da Universidade UNED, a revista Excellence Caraíbas e Quirós jornal sobre o tema cubano-espanhol, o Departamento Cultural do Escritório do Historiador da Cidade de Havana e Federação Espanhola de Associações de Cuba. Além disso, ele tem ministrado cursos em documentários e conferências sobre o seu trabalho em Cuba e Espanha, bem como palestras sobre os espanhóis em Cuba, especialmente na Aula Iberoamericana patrocinado pela Universidade de Havana e da Embaixada da Espanha.

Seus trabalhos foram exibidos em diversos festivais nacionais e internacionais como finalistas, entre outros, Bilbao, Madrid, Huesca, San Sebastian, Rio de Janeiro, Cartagena, Cracóvia, Moscou, Tashkent e Havana. Ele tem sido júri em vários concursos nacionais.

Filmografia

  • Cana (1978) – Documentário, 12 minutos
  • Como eles são substâncias magnetizado? (1978) – Documentário, 12 minutos
  • Propriedades dos metais (1978) – Documentário, 12 minutos
  • Computadores eletrônicos (1980) – Documentário, 18 minutos
  • ¿Decoctions ou drogas? (1981) – Documentário, 27 minutos
  • Trinitarias tradições (1982) – Documentário, 19 minutos
  • Tempo vive em mim (1983) – Documentário, 27 minutos
  • Trinidad, monumento imperecível (1983) – Documentário, 18 minutos
  • Tudo o que é dito é pouco (1984) – Documentário, 27 minutos
  • O som Havana (1985) – Documentário, 14 minutos
  • campanha de um dia (1985) – Documentário, 19 minutos
  • Os últimos dias de George Weerth (1986) – Produção Cuba-Alemanha. Codirection – Ficção, 90 minutos
  • Ocupação Walker (1986) – Documentário, 16 minutos.
  • Homenagem a Generalissimo (1987) – documental, 18 minutos
  • Noite Low (1988) – Ficção, 27 minutos
  • Entre dois (1989) – científica, 57 minutos
  • Up Corações (1990) – Documentário, 27 minutos
  • O que está no meu sangue (1993) – Documentário, 8 minutos
  • história de migração (1996) – Um série de 6 fios de 27 minutos (cada um). Coprodução RTV-Cuba e da Universidade de Oviedo
  • Cienfuegos (1997) – Documentário de 10 minutos
  • Andando Havana (1997) – Documentário Series TV. vários capítulos
  • Ballet Nacional de Cuba. Andando série Havana. (1998) – Documentário de 15 minutos
  • Arte em Havana Antigua. Andando série Havana. (1998) – Documentário, 12 minutos
  • Um museu esquecido. Andando série Havana. (1998) – Documentário, 12 minutos
  • Quadrados, oásis de descanso. Andando série Havana. (1998) – Documentário, 12 minutos
  • charutos Habanos. Andando série Havana. (1999) – documentais, 12’30 minuto
  • Pela honra Apóstolo. Andando série Havana. (1999) – documentais, 13 minutos
  • pegadas das Astúrias. Andando série Havana. (1999) – documentais, 13’30 minuto
  • Havana Summit. Andando série Havana. (1999) – documentais, 11’50 minuto
  • Um lugar para voltar. Andando série Havana. (2000) – Documentário, 12’30 minutos
  • Pontos fortes. Andando série Havana. (2000) – Documentário, 12 minutos
  • Monumentos, um novo visual. Andando série Havana. (2000) – Documentário, 12’35 minutos
  • Um trabalho de amor. Andando série Havana. (2000) – Documentário, 11’55 minutos
  • Humboldt, ontem e hoje. Andando série Havana. (2000) – Documentário, 13’10 minutos
  • Cultura e turismo. Andando série Havana. (2000) – Documentário, 13 minutos
  • Mais antigas farmácias na cidade. Andando série Havana. (2001) – Documentário, 12.30 minutos
  • espaços amigos da cidade. Andando série Havana. (2001) – Documentário, 12’10 minutos
  • Uma voz da cidade. Andando série Havana. (2001) – Documentário, 12’25 minutos
  • paredes fundido. Andando série Havana. (2001) – Documentário, 12’15 minutos
  • Um museu para o rum. Andando série Havana. (2001) – Documentário, 12’35 minutos
  • 50 anos mais tarde. Andando série Havana. (2001) – Documentário, 11’55 minutos
  • Com uma cara diferente (2002) – Documentário, 27’30 minutos
  • Memória e Tempo. Escola Nacional de Ballet (2002) – Documentário, 30’25 minutos
  • Opus Habana. Seguindo os passos de Emilio Roig. Andando série Havana. (2003) – Documentário, 11.05 minutos
  • Para Ache, Ceiba. (2006) – Documentário, 24’40 minutos
  • A perfeita comunhão de vozes. (2008) – Documentário. 53’40 minutos.

Prêmios e reconhecimentos

  • Andando documentário Havana. Distinção RAL (categoria Latino-Americana de qualidade), Punta del Este, Uruguai, 2001.
  • documentário cana. Prêmio 13 de março, 1979.
  • documentário Cienfuegos. Prêmio sala de apresentação. Convenção Turismo Havana de 1997.
  • Documentário com uma cara diferente. Cine Award Plaza Festival de melhor roteiro documentário, Havana de 2002.
  • Documentário com uma cara diferente. Cine Plaza Festival mencionar a direção e música, Havana de 2002.
  • Documentário com uma cara diferente. OCIC Award Film Festival Plaza, Havana 2002.
  • Documentário Homenagem ao Generalíssimo. Educational Prêmio Festival de Cinema de 1991.
  • Documentário Coisas a dizer é pouco. Festival Award cubana TV de 1986.
  • Um documentário da campanha do dia. Prêmio especial na programação infantil. Competição Caracol UNEAC de 1986.
  • Um documentário som Havana. Festival Prêmio cubana TV de 1985.
  • Distinção “Gaspar Melchor de Jovellanos” 1999, concedido pela Federação das Associações de Cuba Asturianas.
  • Ordem “Raul Gomez Garcia” de 2000.
  • Distinção “Miguel de Cervantes y Saavedra” 2002, atribuído pela Federação Espanhola de Associações de Cuba.

Palestras e ensaios publicados

1994 – Conferência intitulada asturianos em Cuba, na Aula Iberoamericana, patrocinado pela Universidade de Havana e da Embaixada da Espanha.

1996 – Apresentação da série documentário Gijón e palestras adicionais em vários municípios e centros culturais em Astúrias.

1998 – Teste A cem anos da guerra hispano-cubano-americana. Publicado na revista da Universidade Distância de Educação a Distância, Issue 2, Volume 16, Dezembro de 1998.

2002 – Conferência Indianos nas Astúrias. Sociedade Aviles da Federação asturiana de Cuba.

2004 – Conferência asturianos em Havana. Asturiana Federação de Cuba.

2006 – O futebol espanhol e Conferência em Havana em série na história da República. Instituto de História de Cuba ( on ).

2006 – Apresentação da série História da Migração, durante a pegada do evento Espanha. Centro Cultural Hispano-Americana. A Havana.

2007 – Conferência sobre o espanhol e futebol, no evento científico Ruben Martinez Villena, seu tempo e seus contemporâneos em Martinez Villena Museum.

2007 – Teste de Futebol: alternativa simbólica de espanhol em Havana (1898-1935). Publicado na revista Problemas, No. 49, janeiro-março de 2007.

2009- Conferência República: Espanhol e futebol em evento sobre a República, no Instituto de História de Cuba.

2009- Conferência para a profunda crise em Cuba 1920-1921: A estratégia espanhola em resolver os seus excedentes de imigração. Evento Martinez Villena e seus contemporâneos, Martínez Villena Museum. A Havana.

2010 – Teste O espanhol e futebol, livro digital publicado no Proceedings Conferência Científica Ruben Martinez Villena, seu tempo e seus contemporâneos. museu Martínez Villena. A Havana.

2010 – A Conferência surto de Futebol em Havana. demonstrações interétnicas e espaços públicos. Fernando Fundação Ortiz. Evento dedicado à história e antropologia do esporte.

Ligações externas

  • – Cinema de Cuba – Santiago Prado
  • – web site ICRT Publishing – Santiago Prado .
  • – Publicação em RevistaTemas -James Prado .

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *